Couve-rábano: o filho de uma couve e de um nabo

Couve-rábano: o filho de uma couve e de um nabo

A couve-rábano (Brassica oleracea var. gongylodes) é um vegetal super Di-Frent que tem a forma de um nabo mas com folhas semelhantes às de uma couve. Este vegetal com aspecto de extra-terrestre é mais um alimento da família das Brassicaceae ou crucíferas, ou seja é da mesma família que as couves, os nabos, as mostardas, as mizunas, os bróculos e as couves-flor.
A couver-rábano embora bastante desconhecida em Portugal, é um alimento muito cultivado nos países mediterrânicos e é especialmente apreciada na Alemanha, na Áustria e na Suíça. A couve-rábano em inglês chama-se “kohlrabi”, palavra que vem do alemão “kohl” (que significa repolho) e “rabi” (que significa nabo).

Tudo se aproveita na couve-rábano: as folhas têm um sabor muito parecido com uma couve e são muito ricas em vitaminas e fibras, o corpo redondo tem uma textura semelhante a uma maçã e tem um sabor que é uma mistura de um nabo doce com uma maçã suculenta ligeiramente picante.
A couve-rábano pode ser consumida crua, ralada ou fatiada muito fininha numa salada, ou pode ser cozinhada em sopas, guisados ou simplesmente cozida.

Metade de uma couve rábano é o suficiente para cobrir as nossas necessidades diárias de vitamina C, e a couve-rábano ainda tem uma boa dose de vitamina K, vitamina B6, potássio e manganês. As folhas são extremamente ricas em fibras, o que é uma óptima opção para um intestino preguiçoso, mas não é uma opção assim tão boa para quem tem um intestino sensível. 

Disponibilidade

Final de primavera, verão e outono.

Escolher e conservar

Escolher a couve-rábano com folhas verdes escuras sem pontas amarelas e com o corpo redondo bem firme e sólido. O corpo da couve-rábano conserva-se no frigorífico até 4 a 5 dias, mas as folhas devem ser consumidas entre 1 a 2 dias após a compra.

Preparação

As folhas de couve-rábano devem ser bem lavadas e devem-se retirar as hastes duras que nascem a partir do corpo. O corpo redondo deve ser bem descascado, com um descascador de legumes, para evitar fibras duras.

Como cozinhar

A couve-rábano pode ser consumida crua, picada, ralada ou fatiada em saladas e sandes, pode ser cozinhada em sopas e estufados, e pode ainda ser salteada ou assada no forno.

COZER OU ESTUFAR: 8 – 10 minutos
COZER A VAPOR: 8 – 10 minutos
SALTEAR: 3 – 4 minutos
ASSAR NO FORNO: 20 minutos
Share This Articles

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Ou clicar nas palavras abaixo