Muitas pessoas perguntam-me como é que consigo manter uma alimentação biológica sendo que os alimentos biológicos são tão caros. A minha resposta a essa pergunta é muito simples: mercados biológicos ou lojas biológicas. Felizmente já existem várias lojas biológicas espalhadas pelo país inteiro com preços bastante acessíveis, mas hoje vamos falar sobre os mercados biológicos.
Os mercados biológicos da Agrobio são mercados semanais, onde os produtores nacionais vendem a sua produção a preços mais baratos que as grandes superfícies multinacionais portuguesas. E quando os alimentos estão na época e existem em grande quantidade, até é possível comprá-los a um preço mais baixo do que os alimentos de agricultura convencional vendidos nas grandes superfícies. Alimentos biológicos, super frescos, super deliciosos e super nutritivos a um preço muito mais apetitoso! E ainda são mais ecológicos porque não são embalados nem vêm enrolados em plásticos e esferovites! São só vantagens tirando um pequeno um senão: é preciso acordar cedo!

O melhor dia da semana

Para mim o sábado é o melhor dia da semana porque não consigo controlar o meu entusiasmo e a minha ansiedade para fazer as minhas compras semanais. Quando o dia começa a clarear já só consigo pensar em quais serão as novidades que vou encontrar no mercado. Eu tenho sempre uma ideia dos alimentos que vão estar disponíveis porque os mercados biológicos promovem a sazonalidade, ou seja, a maior parte da oferta são alimentos da época, mas fico sempre entusiasmada quando volto a ver um alimento que já não via a algum tempo. Para mim é a mesma sensação que ir aos saldos, fico logo com vontade de o agarrar e pôr na cesta porque tenho medo que acabe depressa!

Por vezes também é possível encontrar alguns produtos fora de época, que são provenientes de estufas. Mas já se sabe que não é a mesma coisa, porque a nível de sabor o alimento só atinge aquele ponto delicioso quando está realmente na época, e são apenas os alimentos de época mais saborosos e nutritivos que eu procuro todos os sábados de manhã.

Os mercados biológicos sempre foram muito excitantes para mim porque para além do preço, a oferta de produtos diferentes e únicos é incrível. Em quase todas as minhas visitas aos mercados encontro uma fruta que eu não conhecia, ou um vegetal que eu nunca tinha visto em Portugal. Desde vegetais, frutas e ervas aromáticas diferentes não muito conhecidos nos mercados portugueses, até produtos artesanais transformados como um simples arroz com ervas secas, a oferta destes mercados é tão inspiradora e tão criativa que eu sinto necessidade de continuar a ir aos mercados mesmo quando tenho o frigorifico cheio, nem que seja só para comprar mais uma ervinha aromática.

As melhores compras aos melhores preços

Os mercados biológicos promovidos pela Agrobio em parceria com os municípios e outras entidades têm uma oferta e uma procura cada vez maior e são um ponto de venda dos produtores biológicos portugueses regulamentados pela Agrobio.

Já esistem 12 mercados biológicos distribuídos pelo país sendo que a maior concentração se encontra na área metropolitana de Lisboa e arredores. Os mercados são constituídos por cerca de 80% a 90% de vegetais e frutas dos próprios produtores, mas nos cerca de 60 espaços de venda direta ao público ainda pode encontrar azeite, ovos, pão caseiro, sumos, queijos, azeitonas, frutos secos, compotas, vinhos, e produtos de mercearia entre outros. Basicamente é possível encontrar quase tudo o que precisamos para a nossa alimentação semanal, ficando apenas a faltar a proteína animal.

Para além de termos a certeza que estamos a comprar os melhores alimentos da estação, super deliciosos e super nutritivos, ainda existem mais vantagens de comprar nos mercados biológicos.

Ao comprarmos directamente ao produtor é possível comprar a um preço mais baixo e muito mais acessível, para além de estarmos a contribuir para a economia nacional e a agradecer aos agricultores nacionais pelo seu trabalho. Para além disso, ao comprarmos a pequenos produtores, temos a certeza que os produtos que estão nos mercados são extremamente frescos e estão no seu auge máximo de frescura, porque foram colhidos no dia anterior aos mercados.

A maioria dos mercados biológicos fazem-se ao sábado de manhã, mas existem alguns locais que fazem o mercado em outros dias da semana, logo o vosso dia favorito da semana até pode nem ser ao sábado. 

Copiar é feio! O conteúdo deste site está protegido!

Este site utiliza cookies para garantir uma melhor experiência de utilização. Mais informações.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close