Roma quê?

Quando recebi o meu primeiro romanesco no cabaz da Quinta da Pedra Branca, não sabia muito bem o que esperar. A couve romanesco, brócolo romanesco ou couve romanesca, parece uma obra de arte, mas na realidade é uma variedade de couve. Da família dos brócolos e da couve-flor, este vegetal lindíssimo tem um sabor extremamente doce e um ligeiro travo a avelãs.

Eu amooooo brócolos e consigo comer toneladas de brócolos por refeição. Mas confesso que por vezes a fibra dos brócolos deixa a minha barriga um pouco chateada. E eu adoro couve-flor, mas a minha barriga não fica nada contente quando como grandes quantidades de couve-flor.

Quando provei o romanesco e percebi que o seu sabor era ainda mais delicioso que brócolos e que a sua textura era mais suave que uma couve-flor, fiquei completamente rendida! E quando me apercebi que a minha barriga gosta tanto de romanesco como eu, nunca mais parei de comer esta obra de arte que a natureza criou!

Pastéis deliciosos sem óleo

Gostam de pastéis de bacalhau? Sim? Eu também! E foi a pensar nos fantásticos pastéis de bacalhau da minha querida mãe, que eu me inspirei para fazer esta receita.

Troquei a batata por batata-doce e troquei o bacalhau pelo meu querido romanesco. E como queria que estes pastéis ficassem super saudáveis, troquei o óleo pelo forno. Ficaram d-i-v-i-n-a-i-s!!!

Um snack rápido, prático, deliciosooooooo e muito fácil de fazer! Perfeito para comer entre as refeições, como entrada ou como acompanhamento de carne ou peixe. E se quiserem ser rebeldes, podem mesmo fugir à receita e acrescentar sobras de carne ou sobras de peixe.

Pastéis de romanesco assados no forno

4 pessoas | 40 minutos  | Muito fácil
COM OVOS | PALEO | SEM GLÚTEN | SEM LACTOSE | SEM SOJA | SEM FRUTOS SECOS

INGREDIENTES

+ 1 romanesco
+ 3 cenouras raladas ou 1 pacote de cenoura ripada QPB
+ 1 cebola
+ 2 batatas doces amarelas ou laranjas
+ 1/2 molho de salsa picada
+ 2 ovos
+ sal e pimenta q.b.

INSTRUÇÕES

1. Lavar o romanesco e separar os floretes do talo. Cozer os floretes a vapor durante 5 minutos.
2. Lavar e descascar as batatas-doces. Cortar em cubos pequenos e cozer a vapor durante 10 a 15 minutos. Reduzir a batata-doce em puré com a ajuda de um garfo.
3. Descascar a cebola e cortar em cubos muito pequenos. Descascar as cenouras e ralar com um ralador grosso.
4. Colocar os ovos numa taça, temperar com sal e pimenta e bater bem os ovos. Juntar a salsa picada, a cenoura ralada, o romanesco e o puré de batata-doce e envolver bem todos os ingredientes.
5. Com a ajuda de uma colher ou com as mãos, moldar pequenos pastéis com a forma de pastéis de bacalhau. Colocar num tabuleiro e levar ao forno a 200ºC durante 25 a 30 minutos.

Receita elaborada com ingredientes da Quinta da Pedra Branca
2

Copiar é feio! O conteúdo deste site está protegido!

Este site utiliza cookies para garantir uma melhor experiência de utilização. Mais informações.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close