G-E-L-A-D-O-S! Gelados! Gelados! Adoro, amo, deliro, sou completamente louca por gelados!
Nem sempre fui assim, mas desde que deixei de comer glúten as minhas opções para petiscar fora de casa foram-se tornando cada vez mais escassas, e encontrei nas gelatarias artesanais um local quentinho e acolhedor para me sentar um bocado e devorar um gelado!

Eu chamo gelado mas tecnicamente o termo correcto é sorvete, porque os gelados são feitos com natas e leite, e a minha intolerância à lactose não me permite esse luxo! Os sorvetes são feitos com fruta fresca, açúcar e água. Sim eu sei que tem açúcar e que o açúcar é inflamatório, e sim também sei que as frutas não são de origem biológica, mas quando vou a uma gelataria artesanal e como um sorvete que não me deixa doente, sinto-me uma pessoa “normal”, então acaba por ser um escape para todo o cuidado diário que tenho que ter com a minha alimentação.

Existem algumas gelatarias artesanais na zona de Lisboa, que fazem sorvetes sem lactose mas a gelataria deste género com mais lojas é a gelataria Santini, que até já tem uma loja no Porto.
Os sorvetes da Santini são sem lactose e supostamente sem glúten, mas como são feitos na mesma fábrica que os gelados e os outros produtos que contêm glúten, os sorvetes da Santini podem conter vestígios de glúten, o que não os torna completamente seguros para celíacos.
Costumo consumir estes sorvetes de vez em quando e se já sofri alguma reação à contaminação cruzada, foi uma reação tardia, porque normalmente fico sempre bem após ingerir este tipo de sorvetes. Mas somos todos diferentes e o nível de tolerâncias para contaminações cruzadas é diferente para cada pessoa, por isso volto a frisar que os sorvetes da Santini podem conter vestígios de glúten!
Os cones de gelados são feitos de trigo, por isso para quem não é celíaco mas também quer evitar o glúten, o copo é sempre a melhor opção.

Para os intolerantes à lactose, os sorvetes artesanais da Santini são uma óptima opção para desfrutar de um miminho refrescante sem ter que ficar com medo dos ingredientes e da contaminação cruzada.
A Santini tem uma política amiga dos intolerantes, que garante que os sorvetes pedidos pelos intolerantes sejam tirados à parte, para não serem contaminados com resíduos de lactose dos outros gelados, passados pelas colheres. Mas é preciso alertar os funcionários que temos intolerância à lactose! E depois é só esperar que os funcionários vão até à arca congeladora e tragam o nosso geladinho! Coitaditos dos funcionário que até no inverno têm que ir à arca, mas é pelo bem da nossa saúde!

SORVETES SANTINI

Os sorvetes Santini são muitoooooo bons! Têm imensos sabores diferentes de sorvetes e gelados mas só posso mesmo falar sobre os sorvetes porque infelizmente nunca pude comer um gelado Santini! Mas já ouvi dizer que são todos deliciosos!

Os sorvetes Santini são feitos com frutas frescas, normalmente de estação, ou seja não é muito comum encontrar sorvete de morangos no inverno. Os sabores vão variando consoante a oferta dos produtos frescos, mas existem alguns sabores que são feitos durante todo o ano: limão, maracujá, manga, ananás entre outros. A maior oferta de sabores diferentes é obviamente no verão, quando há mais variedade de frutas frescas disponíveis.

Existem 3 tamanhos de copos: pequeno, médio e grande. O copo pequeno leva 2 sabores, o copo médio leva 3 sabores e o copo grande leva 4 sabores. Também têm disponíveis caixas isotérmicas para levar para fora, em vários tamanhos: 0,5 litros, 1 litro, 1,5 litros e 2 litros.
Os gelados Santini não são baratos, mas também não é algo que se deva comer a toda a hora e todos os dias, por isso de vez em quando também não faz mal gastar um pouco mais num miminho para descontrair.
O copo pequeno custa 2,90€, o copo médio custa 3,90€ e o grande custa 4,90€. As caixas grandes também são caras mas levam bastante quantidade por isso até é capaz de compensar.
Para os mais preguiçosos, a Santini tem um serviço de gelados em casa, mas é tão caro como um gelado grande, custa 5€. Dá jeito mas eu prefiro poupar esse dinheiro, ir à loja e investir noutro gelado, sempre queimo as calorias de todo o açúcar do gelado!

A Santini tem um sistema fantástico de pontos, onde é possível juntar pontos e usufruir de algumas ofertas disponíveis como chapéus, cadernos e chinelos, mas eu troco os pontos todos por mais gelados! Óbvio!

A maioria das lojas Santini encontra-se na grande Lisboa: Cascais, São João do Estoril, Carcavelos, Belém (Museu dos Coches), Chiado e Cais do Sodré (Mercado da Ribeira), mas também já existe uma loja no Porto.

Os sorvetes Santini são uma óptima opção para os intolerantes à lactose desfrutarem de um docinho fresco e saboroso, mas seria ainda melhor se os celíacos também pudessem usufruir desta experiência com toda a segurança. Ficamos à espera que a Santini faça os seus sorvetes num ambiente totalmente isento de glúten, para se tornar um local certificado e seguro para os celíacos. E já agora também fica aqui a sugestão para optarem por alimentos de origem biológica, aí então seria mesmo perfeito!

Artigo não publicitário totalmente baseado em experiências pessoais.
Santini: os gelados sem lactose e quase sem glúten
Sorvetes sem lactoseAlimentos da épocaCuidados para com os intolerantes à lactose
O preço dos gelados é elevadoPode conter vestígios de glútenFeitos com alimentos de agricultura convencional
3.7Overall Score
Sabor
Variedade
Atendimento
Preço
Reader Rating 3 Votes

Copiar é feio! O conteúdo deste site está protegido!

Este site utiliza cookies para garantir uma melhor experiência de utilização. Mais informações.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close